quinta-feira, dezembro 20

bolsas

Bolseiro (M/F) - CES
O Centro de Estudos Sociais – CES – Laboratório Associado (Universidade de Coimbra) tem aberto um Concurso para contratação de um bolseiro/a para trabalhar no âmbito do Projecto “Risco, Cidadania e o Papel do Estado num mundo Globalizado”, com a referência PTDC/SDE/64369/2006, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia.
Ler mais >>


Bolsa de Investigação
Encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação no âmbito do Projecto PTDC/AMB/66909/2006, designado por Sustainamics - Modelação Dinâmica como suporte à Avaliação Integrada da Sustentabilidade financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia através do projecto 3599 – Promover a Produção Científica, o Desenvolvimento Tecnológico e a Constituição de Redes Temáticas.
Ler mais >>


Bolsa de Técnico de Investigação
O Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) abre concurso para atribuição de uma bolsa de Técnico de Investigação no âmbito do projecto PTDC/BIA-BCM/66818/2006, intitulado “HFE: análise genómica e bioquímica de uma proteína multifuncional”, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia através do programa PIDDAC.
Ler mais >>


Bolsa de Investigação INESCPorto
O INESC PORTO abre concurso para atribuição de uma Bolsa para trabalhar no Projecto de Investigação "Compilação e Síntese de Algoritmos para Processamento de Imagem em Matlab para Sistemas Vectoriais em FPGAs", no âmbito dos Projectos de Investigação Científica e Desenvolvimento Tecnológico, financiados e geridos pela FCT.
Ler mais >>

mais info

terça-feira, dezembro 18

O Futuro é já ali...


Espaço dedicado a teses e preparação de teses. Aproveitei-o para divulgar a saída de informação relacionada com o futuro da Ciência e Tecnologia em Portugal e arredores.

E como este assunto interessa-nos na medida em que muitos de nós somos os "motores" desta engrenagem que se intitula desenvolvimento da Ciência e Tecnologia, valerá apena fazer uma leitura mesmo que transversal para nos situarmos na realidade (nossa ou deles?) que é expressa no documento. Boas leituras aqui.

quarta-feira, dezembro 5

Bom dia

Já que não me conhecem (alguns), nem ao meu trabalho, dou-vos uma ideia do que foi a minha tese - uma ideia mesmo muito sucinta, por sinal.


Procura-se compreender se os indivíduos actuam como resistentes no contexto de uma comunidade terapêutica, uma instituição total. Através de uma abordagem qualitativa que junta a observação à recolha das narrativas de vida, interroga-se a forma como os indivíduos vivem o tempo e os seus quotidianos, bem como os sistemas simbólicos hegemónicos que os enquadram. A proposta de análise inclui algumas das abordagens associadas ao interaccionismo, cruzando-os com aspectos associados aos capitais e à descaracterização do habitus em função dos percursos de vida. Por fim, apuram-se algumas categorias nucleares, com particular centralidade nos aspectos temporais e em situações de transição específicas, na comunidade, como a da ressaca, ou a da separação do contexto de consumo e do mercado capitalista.


Como agora sigo em frente, estou a fazer o projecto para apresentar à UMinho! Estou em transição, como diz a Mónica!



terça-feira, dezembro 4

tentando encontrar o rasto aos TETs

A Margarida já defendeu o seu mestrado em Antropologia dos Movimentos Sociais (Muito Bom por unanimidade :) e já está a frequentar o programa de doutoramento no Departamento de Sistemas de Informação, da Universidade do Minho.

A Rosália, uma das fundadores deste espaço, está na recta final do mestrado, com a redacção do documento final. Força!

A Glicéria, que anda às voltas com o doutoramento em Ciências da Educação, é educadora de infância e tem um mestrado em Administração Escolar (mais uma re-incidente TET, ou biTET ;-)

Uma nova TET, a autora do Doctorices, iniciou a sua investigação na área das Ciências da Educação (penso que na UNL). Para ela, os votos de uma boa viagem pelos caminhos do doutoramento.

Eu?... Bom, eu estou em transições de diversas ordens: transição de espaços informacionais, transição de local de trabalho e transição familiar... e com saudades dos encontros presenciais que marcaram, em tempos, este espaço virtual.

Mais TETs sozinhos por esse ciberespaço? Partilhem os vossos tópicos, as vossas dúvidas, os vossos marcos, as incertezas, o que resultou convosco, novas metodologias de trabalho, novas ferramentas de trabalho, eventos interessantes... ou até mesmo uma piada. São sempre bem-vindos neste espaço. Afinal temos todos um denominador comum: estamos unidos nas etapas que marcam a vida de um TET ;-)